Rádio Acesa FM VR: Juninho Nazaré abandonou mansão em MG ao saber da prisão de advogada em BM

quinta-feira, 21 de maio de 2020

Juninho Nazaré abandonou mansão em MG ao saber da prisão de advogada em BM

Policiais da 90ª DP (Barra Mansa), com apoio da Polícia Civil do Estado do Espírito Santo, prenderam, nesta quarta-feira, em Vila Velha, o líder de uma quadrilha de traficantes que atua na Região Costa Verde e Sul Fluminense. A operação é uma continuidade da ação que prendeu a advogada Jaqueline de Oliveira da Silva pelos crimes de lavagem de dinheiro e organização criminosa.

De acordo com os agentes de Barra Mansa, eles fizeram buscas nos dias 18 e 19 de maio em Ipatinga, Minas Gerais, onde localizaram o apartamento do traficante. Ao chegarem ao local, perceberam que o criminoso havia fugido as pressas após a prisão de sua advogada. Os policiais então identificaram o veículo do homem e passaram a monitorá-lo, identificando a rota de fuga para o Espírito Santo e pediram apoio da Polícia Civil daquele estado.

A Polícia Civil do Espírito Santo (PCES) prendeu Elmo Silva Lopes Júnior, o 'Juninho Nazaré', de 33 anos, em um hotel de luxo no município de Vila Velha, segundo informou o delegado titular da 1º Delegacia Regional de Vitória, Rafael Corrêa.

No momento da abordagem, na recepção do hotel, o detido destruiu dois aparelhos telefônicos e resistiu ativamente à prisão, sendo necessário o uso progressivo da força para contê-lo. “Ele tentou resistir à prisão de todas as formas. Ao ser algemado, ofereceu quantia em dinheiro, para que não fosse preso. Quando solicitamos a identificação, ele apresentou documento falso em nome de outra pessoa”, relatou o delegado.

Foto: Polícia Civil do Espírito Santo
Com o preso foi apreendida a quantia de R$ 19.502,00 em espécie, seis aparelhos celulares, notebook, joias, documentos falsos em nome de duas pessoas, além de contrato de locação de imóvel com nome falso, caderno com anotações financeiras, possivelmente do tráfico de drogas e um veículo de luxo.

“Nós iniciamos as diligências na noite de terça-feira (19), no Aeroporto de Vitória, pois havia a informação de que o suspeito tinha a intenção de sair do País. Essas diligências se estenderam até esta quarta-feira de manhã, até que o localizamos no hotel" concluiu o delegado.

Além do cumprimento dos seis mandados, ele foi autuado em flagrante pelos crimes de corrupção ativa, resistência, uso de documento falso e falsidade ideológica. O detido responde pelos crimes de organização criminosa, tráfico e associação para o tráfico de drogas, porte de arma de uso restrito, roubo a banco, explosão de caixas eletrônicos e homicídios. As investigações são conduzidas pela Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro, a 90ª DP.

Ele foi encaminhado ao sistema prisional capixaba. A decisão sobre sua transferência para o Rio de Janeiro ficará a cargo do Poder Judiciário.

Segundo as investigações, o preso é responsável por alugar armas de fogo de grosso calibre, para autores de roubos a caixas eletrônicos. O criminoso é identificado em vários inquéritos de combate ao tráfico na região e construiu um patrimônio ilícito em Barra Mansa e região.
Juninho Nazaré é apontado como um dos líderes do Comando Vermelho no Sul Fluminense.

Uma mulher conhecida apenas como "Tia" já escapou duas vezes do cerco policial. Deixou para trás cinco quilos de cocaína pura, um fuzil HK calibre 5.56 e muita munição.

A mulher é considerada uma das gerentes do tráfico de drogas do bairro Santa Cruz e, pelas prisões mais recentes de seus aliados, a polícia já sabe que suas ligações com traficantes paulistas, onde manda o PCC (Primeiro Comando da Capital).

No dia 4 de junho, policiais militares do 28º BPM (Volta Redonda) deram uma batida em uma oficina localizada na Avenida Presidente Kenedy, no bairro Siderlândia, em Volta Redonda. No local, prenderam três homens, sendo que dois deles vieram de São Paulo trazendo dois quilos de cocaína pura.

Segundo informações da polpicia, Juninho Nazaré é hoje um dos mais proeminentes líderes do Comando vermelho no Sul Fluminense. O homem tem ligações com tráfico em Angra dos Reis, Volta Redonda e Barra Mansa.

Com passagens por tentativa de homicídio e procurado por tráfico de drogas, Juninho Nazaré iniciou sua carreira no crime como 'dono' das bocas de fumo do bairro Getúlio Vargas, em Barra Mansa. Foi preso em duas ocasiões: em 2011 e 2014. Na primeira delas, teria atentado contra um rival do mesmo bairro. Em seguida, tomou o controle do tráfico no local.

Ele voltou a ser notícia com a prisão de Pabrício Fernandes Alves, o 'Bito', preso no dia 14, no bairro Padre Josimo, em Volta Redonda, no dia 15 de junho. Bito controlaria o tráfico de drogas nos bairros Paraíso de Cima, Boa Vista, São Sebastião, e outras localidades da Região Leste de Barra Mansa. No dia da prisão, ele estava em uma BMW blindada. A operação que prendeu Bito foi desencadeada pela Polícia Civil de Barra Mansa. As informações dão conta de que o veículo era usado para transportar drogas, armas e chefões do tráfico entre as bicas de fumo controladas pelo Comando Vermelho na região.

Contra o acusado havia uma recompensa de dois mil reais para quem desse as informações do traficante à polícia pelo Dique Denuncia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua mensagem. Entre em contato com a nossa redação através do WhatsApp (24) 9 9914-5825